Publicidade

Publicidade

sexta-feira, 30 de setembro de 2016

Decisão Judicial Reafirma Candidatura de Magno e “Puxa Orelha” de Vereadores


Ao decidir o Mandado de Segurança impetrado por advogados de Magno Bacelar o juiz Cristiano Simas, seguindo entendimento já manifestado quando negou impugnação proposta por Belezinha, confirmou a candidatura de Magno e ainda repreendeu os vereadores pela manobra ilegal contra o ex-prefeito.

A decisão – datada de 26 setembro – que encerrou a tentativa de vereadores ligados a Belezinha que buscavam reprovar as contas de Magno para prejudicar sua candidatura. 

Logo no início o juiz considera a manobra incabível e que atendia interesses estranhos. “Não se mostra cabível, sob qualquer pretexto, que a Câmara Municipal de Chapadinha, através de sua representante em exercício (Francisca Aguiar), no afã de atender a interesses outros que não a moralidade administrativa, labore em aparente legalidade quando da condução de seus trabalhos”, diz.

Adiante, Cristiano Simas mostra que a manobra atropelou o regimento interno e estranhou que curso do processo tenha mostrado que as contas que seriam julgadas foram mandadas à Câmara pela prefeita Belezinha e não pelo TCE como manda a lei. “Observa-se da legislação transcrita, com clareza solar, que não há qualquer previsão de que as contas, que serão apreciadas pela Câmara de Vereadores, sejam enviadas pelo Chefe do Executivo Municipal que, inclusive, receberá somente cópia das mesmas, para fins de posse caso seja necessário consultar as mesmas”, observou. “Considero absolutamente inusitado que as contas relativas ao impetrante (Magno Bacelar), e que teriam motivado a abertura do processo de análise das mesmas junto à impetrada, tenham sido encaminhadas à Câmara Municipal de Chapadinha pela Prefeita Maria Ducilene Pontes Cordeiro”, completou Cristiano Simas, colocando Belezinha no centro da drama.

Do envio das contas por Belezinha à pressa com que Francisca Aguiar e Samuel Nistron queriam julgar Magno Bacelar, o juiz foi claro em considerar processo como mero interesse partidário. “Não tenho dúvida de que o procedimento levado a termo pelos evolvidos em nada se aproximou da salvaguarda da coisa pública. Ao contrário, buscaram transformar instrumentos legítimos de fiscalização popular em peças de um amplo e lamentável jogo político. Afigura-se perturbador que os envolvidos nesta astúcia considerem possível engendrar tamanha manobra sem que a sociedade e o Poder Judiciário repudiem tal prática, mormente quando atentatória aos valores republicanos”, destacou o juiz.

Na sentença são fartas as repreensões ao comportamento dos vereadores envolvidos na manobra e ao fim o juiz desfaz os atos praticados contra o Magno. “Com base no favorável parecer ministerial (promotoria), nos termos do artigo 1º da Lei n.º 12.016/2009 e do artigo 5º, inciso LXIX, da Constituição Federal, concedo parcialmente a segurança pretendida e declaro nulo, de pleno direito, todos os atos praticados pela Câmara Municipal de Chapadinha, relativos à tomada e julgamento das contas municipais, exercício de 2007, por estarem inquinados de vícios insanáveis, todos formais, nos termos desta decisão”, sentenciou o juiz, impedindo definitivamente a manobra contra Magno Bacelar e determinando que a presidente Francisca Aguiar divulgue cópia da decisão a todos os vereadores.    

quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Aluízio é Flagrado Prometendo Emprego e Comprando Voto Pra Belezinha


O que toda cidade vinha comentando sobre abuso de poder econômico e uso da máquina administrativa na tentativa de comprar votos para a prefeita Belezinha acabou se confirmando com o flagrante do Secretário de Obras Aluísio Santos oferecendo tijolos, cimentos, ferro, dinheiro e emprego para uma eleitora em troca de votos e apoio para sua candidata. (veja vídeo com o teor completo da conversa abaixo)

No áudio Aluísio fala em compromisso com o chefe da família.

“Olha aqui. O compromisso que eu fizer contigo tá feito com ele?”, indaga Aluísio querendo saber se o esposo da eleitora concordaria com a negociação pelos votos. “Que eu quero saber disso. Porque eu tô fazendo o compromisso, tenho que fazer com um, com dois, com três, com quatro. Queria saber a chefe da família”, completa Aluísio tendo resposta positiva da eleitora.

Segue o diálogo com a participação de um segundo suspeito de comprar votos ao lado de Aluísio:

Suspeito Não Identificado – “Fechando com você tá fechado?”

Eleitora – “Tá. Agora eu também quero saber como é o compromisso”.

Suspeito Não Identificado – “Não, mas pra saber o compromisso é conversar.”

Aluísio Santos – “Eu quero saber o seguinte: se eu lhe dissesse: “Não, vou mandar derribar sua casa, construir”, eu não tenho condição pra isso, você sabe disso. Meu compromisso que quero fazer com você? São setecentos votos e você, com certeza, você vai me dar que você trabalha num posto aí, você consegue mais voto pra gente?”

Eleitora – “consegue sim.”

Mais adiante, depois da eleitora se referir a necessidade de reformar a casa, Aluísio fala claramente em dar material de construção.

Aluísio Santos – “Olha, eu vou te ajudar com dois mil tijolo e dez saco de cimento”.

Aluísio Santos – “É o meu compromisso. Se (ininteligível, provavelmente falando ao ouvido) disser assim: “Ah, (ininteligível) do que isso!”, eu não honro. Então eu vou honrar o compromisso com você (ininteligível). Eu vou comprar...”

Aluísio Santos – É. Ei? Agora o que eu quero? Vou firmar esse compromisso com mamãe, ó, eu quero mais do que o voto, mais do que o voto o compromisso... Mais do que o voto eu quero desses oito dia de me ajudar aqueles que inda teja indecisos.

A conversa prossegue:
Eleitora – Ah, tem. E aí você vai ter de me dar dois mil tijolo...

Aluísio Santos – Dois mil tijolo e dez saco de cimento. E lhe voltar pro posto. E botar sua filha pra li pra onde ela quer.

Eleitora – Bota aí umas barrinha de ferro. Eu sou pobre. Tu sabe que casa de tijolo pega muito ferro.

Aluísio Santos – Olha, eu vou lhe mandar – que são ferro de doze metro – vou lhe mandar, vou lhe mandar cinco barra de ferro de doze metro; dá pra fazer as quatro coluna.

Aluísio Santos – Viu? Esse aqui, nós vamos fazer o seguinte: segunda-feira – rapaz, pra mim fazer isso aqui –, segunda-feira vai vir aqui, agora só tem um pedido seu, pra você. Ele vai fazer a nota no seu nome. Como é seu nome completo?

A eleitora diz seu nome (que aqui vamos preservar por questão de segurança dela).

Em outro momento Aluísio fica com receio de entregar o material e ser descoberto e fala em entregar dinheiro vivo.

Aluísio Santos – Dez saco de cimento e cinco barra de ferro. Só tu vai pegar a nota, mas tu vai pegar o material só depois do dia dois; tu fica com a nota. Sabe por quê? Que na hora que a gente deixar o material aqui vão engatilhar.
Eleitora – Não, pois é. Não tem problema. Se ocês me dando a nota aí, fica uma coisa tudo certa.

Aluísio Santos – Que eu vou até somar isso aqui, que se for o caso, eu te dou um dinheiro, tu compra onde tu quiser e me tira mais dum problema.

No áudio de pouco mais de 4 minutos Aluísio também promete emprego em troca de votos para Belezinha.

Aluísio Santos – Uhum. Aí o compromisso que vai voltar a fia dela lá pra que ela tem, ela sai, tem que sair, né? E vou arrumar então a vaga aqui pra ela aqui no posto.

Na parte final Aluísio pede a eleitora que coloque adesivos na porta de casa, mas ela só consente na geladeira.

Ação Protocolada às 17:49 Contra Aluísio e Belezinha

De acordo com os advogados da “Coligação Chapadinha de Todos Nós”, que representam Magno Bacelar, que já protocolaram essa primeira ação que visa investigar abuso de poder e compra de voto contra Belezinha e Aluísio, há outros flagrantes de compra de votos, em áudio e vídeo, que serão objetos de outras ações judiciais e logo levados ao conhecimento público.

Preservada na matéria a eleitora e outras testemunhas do fato foram devidamente identificadas, com depoimentos colhidos e anexados à ação. 

Aguarde detalhes da ação judicial que cassar a candidatura de Belezinha por abuso de poder e compra de voto. 

Vídeo com Íntegra do Diálogo da Compra de Votos

  

Mata Roma: Bode Finaliza Campanha com Grande Comício

Blog do Foguinho

Você é nosso convidado a participar do nosso grandioso comício de encerramento do candidato Bode 27, em Mata Roma.

Venha fazer parte deste grandiosos momento em que iremos levar as nossa propostas para que Mata Roma siga no caminho do desenvolvimento.

Concentração no Bairro Açude.

Caterpillar: Filha de Belezinha Chama Moradores de Mentirosos e Ameaça Processo


A filha da prefeita Belezinha, Karol Pontes (foto ao lado da mãe), reagiu à matéria do site Portal da Chapada chamando os populares que falaram à reportagem de mentirosos, que teriam sido comprados e ameaçou processar os moradores.

“Eles pagam quem quer que seja pra confirmar a mentira deles”, disse Karol Pontes.  No próprio vídeo você já ver a mentira escancarada, eles pagaram essas pessoas”, completou a filha de Belezinha.

Karol Pontes também ameaçou processos os moradores. “Nós estaremos entrando com uma ação contra elas (pessoas do Caterpillar), porque ou elas falam quem pagou e quem mandou ou elas vão assumir o processo e vão ter que provar essa calúnia que estão fazendo contra nossa prefeita. Acontece que eles não trabalham e não aceitam pessoas que trabalhem”, ameaçou Karol em gravação que circula nas redes sociais com críticas à setores da imprensa e adversários de Belezinha. Veja vídeo abaixo. 

Antes do processo da filha de Belezinha, o caso já foi denunciado à promotoria eleitoral como abuso de poder político por parte da prefeita. 


Cadê a Pesquisa?


Por: Eduardo Braga – Vereador

Dois dias depois da data prevista para a publicação da pesquisa contratada por aliados da prefeita, ela segue engavetada.

Já vi esse filme antes. Há quatro anos, a Escutec também fez uma pesquisa aqui em Chapadinha que confirmada a vantagem da candidata adversária e o grupo que estava na prefeitura evitou sua divulgação. Aos aliados, diziam que a disputa estava acirrada, mas a realidade era o que as pesquisas anteriores já haviam avisado.

Talvez ainda publiquem essa ou outra pesquisa, mas será difícil convencer alguém. Vão manter a campanha até o final apostando no poder do dinheiro e da máquina da prefeitura. Aos aliados, continuarão dizendo que ainda tem chance de virar, mas é bom irem aceitando a realidade.

Com ou sem pesquisa, só um fenômeno inédito e imponderável muda o curso dessa eleição.


Bode Vence em Mata Roma, Diz Pesquisa


Blog do Marco D´Eça

O candidato do PSDC a prefeito de Mata Roma, Raimundo Ivaldo Silva, o Bode, deve ser eleito prefeito no dia 2 de outubro, segundo mostra pesquisa do Instituto Exata, divulgada nesta quinta-feira, 22.
Bode registra até 51% das intenções de votos na pesquisa espontânea, segundo revelou o levantamento, abrindo 16 pontos percentuais de vantagem sobre o seu adversário, Antonio Diniz Araújo, do PSDB.
Na pesquisa estimulada, Bode alcança 50% das intenções de voto, contra 40% dados a Araújo.   Outros  2% disseram não votar em nenhum outro candidato e 8% dos eleitores não quiseram ou não souberam responder à entrevista
O Instituto Exata ouviu 529 eleitores em Mata Roma, nos dias 9 e 10 de setembro. É de 2,5 pontos percentuais a margem de erro do levantamento, que foi registrado no TSE sob o protocolo MA-09266/2016…

terça-feira, 27 de setembro de 2016

Caterpillar: Belezinha Sem Voto Deixa Moradores Sem Água


Uma reportagem do Portal da Chapada revela que a prefeita Belezinha chegou ao extremo de impedir o fornecimento d’água a parte da população do Bairro Caterpillar por questões eleitorais.

Segundo relatos de moradores a prefeita Belezinha mandou uma pessoa por nome Milton pegar a chave que se encontrava em poder de uma moradora e não mais permitiu o uso do poço artesiano para o abastecimento da população do Bairro.

Diversos depoimentos mostram o clima de revolta da população com a atitude da prefeita e a dura realidade dos moradores privados de um bem essencial como a água. Nada traduz melhor a situação que o vídeo e os depoimentos dos próprios moradores. Veja Abaixo. 


Sinistro: Duas Pesquisas Prometem Divulgar Números no Dia da Votação



Duas pesquisas de intenção de votos para Chapadinha foram registradas ontem com divulgação prevista para 2 outubro, no momento em que o eleitor estará indo para as seções eleitorais.

De acordo com o registro das pesquisas uma empresa por nome MBO Publicidade de Caxias e um certo INOP de São Luís pretendem divulgar resultado no dia da votação.

O MBO aparece como o próprio contratante da pesquisa de teria custado R$ 3.500,00 e vai ouvir 357 eleitores durante o dia de hoje (27 de setembro). Já o INOP foi contratado pelo Colégio Batista Chapadinhense (que pertence ao professor Francejane Magalhães, candidato a vice na chapa de Raimunda Maria), pelo valor de R$ 5.000,00, vai ouvir 410 eleitores entre os dias 27 e 30 de setembro.

Com resultado a ser divulgado no dia da votação essas pesquisas têm mais potencial para tumultuar o andamento do pleito e propagar inverdades que informar a comunidade.


sábado, 24 de setembro de 2016

Desespero, Não Mais Que Desespero!

Sob comando do secretário de Saúde Alan Monteles, do coordenador de campanha Peres Galvão (que também é chefe da guarda municipal) e de agentes penitenciários armados e agindo como capangas da prefeita, a carreata de Belezinha interrompeu a caminhada de Magno Bacelar na noite de ontem.


O que se seguiu foi a revolta de partidários de Bacelar e muita confusão. Felizmente nada de mais grave aconteceu. Fica o alerta para as autoridades do Estado e do Judiciário redobrarem os cuidados porque alto escalão do município parece ter perdido a cabeça na rota do desespero.  

sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Isaías Descarta Aliança e Marcelo Esculacha Belezinha

Em resposta indireta a matéria do blog, o grupo político do ex-prefeito Isaías Fortes divulgou banner na internet descartando qualquer aliança com Belezinha e o vereador Marcelo Menezes / PRP voltou a fazer críticas contundentes contra a prefeita que busca reeleição.

“A intriga é uma arma poderosa que abate aos que apreciam a fofoca. Não adianta tentar plantar mentiras sobre aliança de Isaías com outros candidatos”, diz o comunicado. “Fantasiar uma aliança de Magno e Isaías é tentar misturar água e óleo. Supor uma aproximação de Isaías e Belezinha é como afirmar que o sol brilha durante a noite”, completou Isaías em tom poético.

Já Marcelo Menezes foi mais enfático ao criticar Belezinha.

“A prefeita Ducilene Pontes, vulgo Belezinha, gasta milhões em uma campanha perdida, mas não se compromete a ajeitar a o fornecimento de água do bairro Vila Vagner. Belezinha retirou o motor que levava água do poço a caixa d'água para ajeitar já tem praticamente um mês e até hoje não devolveu e o pior de tudo: não dá sequer confiança aos moradores. Pura perseguição política, pois essa prefeita derrotada sabe que na Vila Vagner o povo é fechado com o 55, Raimunda Maria. Peço ao povo calma, pois traídora nós castigaremos nas urnas”, detonou Marcelo. 

Isaías Sinaliza Volta pra Belezinha


O tom de agressividade de Isaías contra Magno Bacelar (que se nega a responder aos ataques) pode ser encarado como reação impensada à dificuldade gerada pelo isolamento e mais provável ainda como sinalização de que o ex-prefeito aceita voltar para o grupo Belezinha.

De um dia pro outro Isaías e Família pararam de taxar Belezinha de traíra e desviaram sua artilharia contra Magno Bacelar.    

As queixas de Isaías são basicamente duas: a pesquisa Exata encomendada por Paulo Neto que aponta baixíssima intenção de votos a Raimunda Maria e uma suposta afirmação de que Magno estaria financiando sua campanha.

Ora, Isaías e família podem brigar com pesquisa o quanto queiram e até expressar mágoa do ex-amigo Paulo Neto, mas xingar Magno por isso é forçar a barra e aumentar suspeita de algo mudou entre Isaías e Belezinha.

Sobre financiamento da campanha de Isaías, Magno nada falou a respeito e ao se defender do que nunca foi dito, Isaías abre caminho para se pensar o contrário: que a repentina postura violenta contra Magno seja justamente custeada por Belezinha.

Em política se não seria absurdo uma união entre Magno e Isaías, como andou perto no começo da campanha, uma volta de Isaías aos braços de Belezinha também não deve ser descartada. Afinal, quem sabe da dor mais doída é quem sente e de repente não mais que de repente, os 5% da pesquisa Exata pode ser mais insuportável que ser expulso de um governo que elegeu sendo chamado de “É Só Ladrão”.      

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Mata Roma: Esposa do Candidato Araújo Diniz Acusada de Mandar Furtar Celular

Acusados de Mandantes, Executora Confessa e Vítima do Furto 

No centro de uma história que parece saída de novela ou filme de máfia, a esposa do candidato a prefeito de Mata Roma Araújo Diniz aparece como acusada de mandar furtar um celular para, em seguida, divulgar áudios e conversas privadas de adversários.

Além da esposa de Araújo, Alana Araújo e da prefeita Carmem Neto, há outras duas personagens importantes na trama: Saradania Carvalho Guimarães que confessou ter furtado o aparelho e sua prima Laydlane Carvalho que teve celular furtado.

Segundo a própria Saradania, em depoimento colhido pelo Delegado Jairon Timbó, do 2º Distrito Policial de Chapadinha, no dia 04 de agosto uma pessoa por nome Alana Araújo compareceu em sua residência e fez uma proposta para que furtasse o celular de sua prima Laydlane com a finalidade de descobrir “fake” chamada “Morgana Saliente” e que Alana teria lhe prometido pagar suas dívidas.


Depoimento de Saradania à Polícia Civil

Ainda no depoimento Saradania diz que entregou o aparelho de celular que furtara de sua prima ao próprio candidato Araújo Diniz. Laydlane é funcionária pública de confiança da prefeita Carmem e por conta disso algumas mensagens de áudio vazaram e foram usadas para denegrir a imagem da prefeita Carmem.

O crime começou a vir à tona depois que Araújo e sua esposa Alana deixaram de cumprir o combinado com Saradania que resolveu abrir o jogo em depoimento e entregando à polícia gravações telefônicas e troca de mensagens entre ela o casal Araújo.

Em conversa gravada, Saradania e Alana falam abertamente em transferência do dinheiro do pagamento, no celular que foi furtado e em postagens feitas a partir de arquivos retirados do celular surrupiado. Veja vídeo com a íntegra da conversa entre Alana e Saradania ao final da matéria.



Mensagens de Saradania a Alana e Araújo

“Passa os dados da tua conta pra ele (Araújo) que ele vai depositar na sexta-feira” diz Alana para Saradania.

“E o celular?”, pergunta Saradania.

“Sim, tu quer ele?”, responde Alana.

“Não, eu tô é perguntando porque parou as postagens, eu pensei assim, acho que não arrumaram mais nada não”, completa Saradania.

“Minha irmã não tem quase nada não (...) só aquilo que já foi postado”, finaliza a esposa de Araújo Diniz.

A prefeita Carmem declarou que aguarda a conclusão do inquérito para abrir processo contra Araújo e sua esposa Alana, contra blogueiros e todos os que propagaram os arquivos do celular furtado.


O Blog buscou, mas não conseguiu contato com Saradania. Já Alana Araújo, ouvida pelo blog – apesar das evidências e documentos ,  a senhora Alana Araújo negou envolvimento. “Não tenho nada a declarar sobre tal assunto, estou certa que mereço respeito, mesmo porque não participo da sujeira da política. Jamais perderia tempo com tal atitude. Peço apenas que verifique a veracidade dos fatos para que você possa publicar, afinal acusação de furto é uma coisa muito grave”, declarou Alana Araújo, encerrando a conversa sem permitir maiores questionamentos. 


 O caso continua sendo investigado pela Polícia Civil de Chapadinha.    


Imagem do Dia: Caminhão do Lixo Atolado na Lama de Belezinha


Lembram o derrame de água em tentativa de sabotagem do comício de Magno Bacelar, ontem? Pois é... O famoso Caminhão do Lixo acabou atolado em uma rua do Bairro do Areal na lama causada pela mesma água derramada. Que fase essa da Belezinha!

  

Funil: A Origem do Termo


“Utensílio de lata, vidro ou outro material, em forma de pirâmide ou cone invertido, em cujo vértice há um tubo, geralmente mais estreito para baixo, e que serve para conduzir líquidos através de um orifício estreito, como, por exemplo, o gargalo de uma garrafa”, na definição do dicionário, a palavra FUNIL já era famosa antes da eleição, agora que a prefeita Belezinha tenta proibir o uso do termo, não se fala em outra coisa na cidade.

Mas como a expressão funil começou a ser relacionada com a prefeita Belezinha?

Esse blog muito utilizou o funil no sentido de explicar o prejuízo para toda a sociedade do esquema do fornecimento de material pela empresa da família da prefeita em quase todas as obras do município. Usei o termo funil para ilustrar o escoadouro de verbas para uma só loja e questionei como se dava a negociação de preços entre a gestora e a empresa que pertence a sua filha e irmã. Mas não sou o pai da criança, não fui o primeiro a taxar o governo Belezinha de Funil.

Antes de mim os vereadores Marcelo Menezes, Eduardo Sá e Nonato Baleco falaram do funil da tribuna da câmara toda vez que denunciavam um novo escândalo. A Rádio Mirante antes de mudar a linha editorial cansou de chamar Belezinha de prefeita funil. Também não inventarem a alcunha de funil contra a prefeita.

Quem primeiro cravou o Funil – como veremos no parágrafo que segue – foi a Inteligência destemida e independente de alguém que já não está no meio de nós. 

“O grupo administrativo atual está terrivelmente desunido. E sem assessoria inteligente. Não é novidade para ninguém. Dá a idéia de um grupo de ratos a ver quem mais tira. Sabemos que a medida do ter nunca foi cheia. Uns nomeiam quem lhes apetece para garantir votos. Outros têm a “política do funil” em que tudo tem uma direção certa que é o lucro individual. E com toda a rapidez. Sem demora. Desde já.” Palavras do Padre Neves, retiradas do Boletim da Paróquia, em maio de 2013.

Leia a íntegra do texto “A Medida do Ter Nunca Está Cheia”, de autoria do Padre Neves. 

No próprio Boletim da Paróquia

quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Belezinha Manda Derramar Água de Poço Artesiano Para Alagar Local de Comício de Magno Bacelar

Local do Comício Alagado

Em mais um ato considerado de desespero e perseguição a prefeita Belezinha mandou alagar o local do comício de Magno Bacelar na noite de hoje usando um poço artesiano pertencente ao município de Chapadinha.

Cano Derramando Água Limpa

A desculpa era a de que o derrame de água seria para limpar o poço, mas como se ver claramente nas imagens a água brota do cano limpa e sem qualquer sujeira aparente. O poço, nas proximidades do Posto Delta do Areal, começou a derramar água limpa por volta das 17 horas quando um encarregado ligou a bomba e apontou o cano em direção ao local onde o evento da campanha de Magno estava marcado.

Por conta do ato que taxou de perseguição desesperada o candidato Magno Bacelar, que visitava casas no Bairro Areal, determinou que o local do comício fosse deslocado cerca de 200 metros adiante da sabotagem.  

CDL Chapadinha Contrata Pesquisa Escutec Para Divulgar dia 26


A empresa Escutec também registrou pesquisa de intenção de votos em Chapadinha e promete divulgar resultado dia 26. Encomendada pelo Câmara de Dirigentes Lojistas de Chapadinha – que é presidida pelo empresário Alan Monteles, que também é secretário de Saúde do governo Belezinha – a pesquisa Escutec custou R$ 6.000,00 (seis mil reais) e pretende ouvir 400 pessoas entre os dias 23 e 24 de setembro.

Abaixo Recortes do Registro de Pesquisas




terça-feira, 20 de setembro de 2016

Magno a Frente com 45% contra 37% de Belezinha, Diz Pesquisa Exata


O instituto Exata divulgou hoje a primeira pesquisa de intenção de votos para as eleições municipais de Chapadinha 2016. De acordo com a Exata, Magno Bacelar teria 45%, Belezinha ficaria em segundo com 37% e Raimunda Maria aparece com 5%.  

Registrada sob o número MA-09723/2016, a Pesquisa da Exata ouviu 450 eleitores dos Bairros e da Zona Rural, entre os dias 07 e 08 de setembro.

Ao apontar Magno com 8 pontos percentuais a frente de Belezinha a estimativa é de que, mantido os números registrados, Magno Bacelar saia das urnas com mais de 3 mil votos de vantagem sobre a adversária.

Analises e repercussões sobre o resultado da pesquisa Exata, nas próximas matérias.  

segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Grupo Sarney se Fragmenta nas Eleições 2016


Dois anos após perder o governo do Maranhão para Flávio Dino (PC do B), o grupo político do ex-presidente José Sarney (PMDB) chega às eleições municipais dividido entre os quatro principais candidatos à Prefeitura de São Luís.

Sem um nome competitivo para disputar as eleições na capital, o grupo do ex-presidente viu o PMDB lançar a candidatura do vereador Fábio Câmara para a prefeitura.

A candidatura, contudo, foi lançada à revelia de caciques do partido, como a ex-governadora Roseana Sarney e o senador Edison Lobão. O resultado das disputas internas foi uma fragmentação.

Tradicionalmente ligado ao PMDB no Estado, o PV do ministro Zequinha Sarney (Meio Ambiente) optou pela candidatura da deputada federal Eliziane Gama (PPS), que cresceu na política como opositora dos Sarney. O empresário Wellington do Curso, do PP, recebeu o apoio de outra parte da família: o deputado estadual Edilázio Júnior (PV), genro de Ronald Sarney, que é irmão do ex-presidente.

Já Gastão Vieira, ex-ministro do Turismo no governo Dilma Rousseff e candidato derrotado ao Senado em 2014, apoia a reeleição do prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT), aliado do governador Flávio Dino.

Aliados afirmam que José Sarney não se movimentou nos bastidores por uma unidade do grupo. “Se houvesse diretriz, defenderíamos todos o mesmo candidato. Mas o presidente Sarney não deu um pitaco”, afirma Lobão Filho, candidato a governador pelo PMDB derrotado em 2014 e filho do senador Edison Lobão.

Na pré-campanha, os aliados dividiram-se entre os que defendiam a candidatura própria do PMDB e os que queriam apoiar candidatos de outro partido.

A Folha apurou que Roseana Sarney foi uma das que não queria candidatura própria e teria defendido apoio a Eliziane Gama ou Wellington do Curso.

O senador peemedebista João Alberto referendou a candidatura de Fábio Câmara, que acabou tendo maioria no diretório municipal.

Lobão Filho também criticou a opção pela candidatura própria. Agora, afirma que ainda não decidiu se apoiará o colega de partido ou se optará pelo “voto útil” em Eliziane Gama.

“Os dois são candidatos preparados, com boas ideias”, diz. Sua mulher, a apresentadora Paulinha Lobão, contudo, já anunciou publicamente apoio da família à candidata do PPS.

Uma das principais aliadas da ex-senadora Marina Silva, Eliziane chegou a se filiar à Rede, mas acabou indo para o PPS, seu antigo partido, em busca de mais alianças.

ISOLADO
Primeiro candidato do PMDB em São Luís que cresceu fora da órbita do grupo de Sarney, Fábio Câmara não teve nenhuma manifestação de apoio ex-presidente ou de Roseana Sarney.

“Por incrível que pareça, eles estão com todo mundo, menos comigo. Faço parte, mas não me sinto do grupo”, diz Câmara, que começou no PMDB como auxiliar de serviços gerais, limpando banheiros da sede do partido.

Mesmo com adversidades, o peemedebista diz não se sentir intimidado. “Os caciques estão ficando presos em sua própria história. Eles não têm mais base política, estão desconectados”, diz.

Pesquisa Ibope divulgada na quarta (14) mostrou Fábio Câmara com 3% das intenções de voto. O líder é Edivaldo Holanda, com 37%.

Fonte: Folha de São Paulo.


sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Mata Roma: Prefeita Carmem e Secretária Lusinete Parabenizam Professores por Avanços no IDEB


Blog do Foguinho

Em nota divulgada à imprensa a Prefeita Carmem Neto juntamente com a Secretária de Educação de Mata Roma, professora Lusinete Fortes fizeram questão de agradecer o resultado do IDEB alcançado pelo município e divulgada pelo MEC nesta semana.

Leia Nota na íntegra

AGRADECIMENTO AOS PROFESSORES, DIRETORES, COORDENADORES PEDAGÓGICOS, TÉCNICOS PEDAGÓGICOS DA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E SERVIDORES DA EDUCAÇÃO MUNICIPAL DE MATA ROMA.

O resultado do IDEB – Índice de Desenvolvimento da Educação Básica em nosso município cresceu significativamente, graças ao trabalho coletivo, harmonioso, coerente e humano que juntos realizamos.

Esta é uma grande prova de demonstração do compromisso de todos pela educação, alinhado a competência extraordinária de cada um. Estamos felizes com esse resultado.

Colegas professores e demais profissionais da educação vocês foram fundamentais nesse processo de crescimento educacional das nossas escolas. O trabalho honroso de todos, possibilitou esse grande resultado que hoje comemoramos com grande alegria.

Recebam o nosso carinho e o reconhecimento por tudo. Parabéns!

Sonhamos, planejamos e fizemos educação com foco na aprendizagem do aluno e na formação continuada dos professores. Deu certo. As sementes foram plantadas e regadas a todo instante. A colheita foi muita boa. E tudo isso foi possível também pelo empenho e dedicação da prefeita Carmem Neto que ao longo desses oito anos vem investindo na educação desse município, proporcionando o melhor para os nossos alunos, através de construções de escolas, entrega de fardamentos, merenda escolar de qualidade, transportes escolares, distribuição de kits escolares, entre outras ações e valorizando os professores propiciando salários dignos, condições adequadas de trabalho e formações continuadas.

Parabenizamos também as ex. secretárias de Educação professora Raimunda Henrique e sua equipe e a professora Maria Santana que muitos contribuíram para esse desempenho.

Um grande abraço! Prefeita Carmem Neto e Lusinete Fortes