Publicidade

Publicidade

sábado, 31 de janeiro de 2015

Reveillon: Belezinha Diz Ter Pago 110 Mil a Banda que Não Chega a Cobrar 30 Mil Reais por Show


Como todo o mercado de eventos artísticos sabe, um show da banda Forró Pegado não sai por mais de 30 mil reais. Mas em Chapadinha a prefeita Belezinha oficialmente diz que pagou um valor que daria para pagar a mesma banda 3 vezes e ainda sobraria um bom troco.

No Diário Oficial do Estado, do dia 16 de janeiro, a prefeitura divulga que pagou nada menos que R$ 110.000,00 (cento e dez mil reais) pelo show artístico. Na página 40 do Diário Oficial a prefeitura diz o seguinte: "a secretária adjunta da secretaria de administração de Chapadinha, Estado do Maranhão, no uso de suas atribuições legais resolve, Ratificação em todos os seus termos, a escolha da empresa M R Duarte – ME, CNPJ  17.292.292/0001-86, para a contratação de banda para a animação de festa popular de Reveillon em Praça Pública no Município de Chapadinha – MA, com proposta no valor de R$ 110.000,00 (cento e dez mil reais)”, diz a publicação oficial assinada pela secretária adjunta Adriana Alexandre Pontes, que também é sobrinha da prefeita Belezinha.

Diário Oficial de 16/01/2015: 110 mil por Banda que sai por 30

De acordo com dois promotores de eventos de Chapadinha, ouvidos pelo blog, a contratação da banda Forró Pegado varia entre 25 a 30 mil reais. “Uma banda como essa fica em torno de 25 a 30 mil reais, podendo até chegar a 40 mil no caso de carnaval ou festa junina”, disse um promotor de eventos de Chapadinha que preferiu não se identificar.

Com gasto de 110 mil reais oficialmente assumido, por meio de publicação no Diário do Estado, e com uma banda que na mais cara hipótese poderia ter recebido 40 mil, eis mais um indicio sério de corrupção para a prefeitura explicar à sociedade ou para o Ministério Pública investigar.

Karol Quem Contrata, Diz Secretária de Cultura  

O blog ouviu a secretária de cultura Nágera Pontes sobre o assunto, ela afirma não ter informações quanto a valores, porque a contração das bandas é feita pela filha de Belezinha Karol Pontes e que a secretaria de cultura apenas organiza as festas. “Quem faz o contrato com as bandas grandes é a Karol. Nós aqui (da secretaria de cultura) somos responsáveis pela organização do evento. Como agora no carnaval, eu nunca pergunto quanto custa, já que não é minha responsabilidade” disse a secretária Nagéra Pontes.

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Belezinha: Relatório do INCRA Desmascara Propaganda Enganosa Sobre Estradas

Trecho Entre Chapada Limpa e Santana em 26/01/15

Enquanto o governo municipal enche a boca pra dizer que fez estradas de qualidade e com recursos próprios, a realidade mostra que além de péssimas e custeadas com dinheiro da União ou do Estado, há fortes indícios de desvio de recursos como sugere um relatório do INCRA sobre convênio anunciado como a última maravilha em termos de estradas do interior.

A qualidade das obras pagas por órgãos estaduais e federais e tocadas por empresas ligadas a Belezinha são sistematicamente reprovadas pelos moradores por relatórios oficiais como o que foi divulgado pelo vereador Manin Lopes / PT em 2014, que aponta claros sinais de desvios de verbas e corrupção.

Campanha Eleitoral: Inácio e Belezinha "Inaugurando" Estrada do Maceno 

No dia 21 de setembro de 2014 o então candidato a deputado estadual Zé Inácio (ex superintendente do INCRA) visitava a localidade Maceno acompanhado de toda a cúpula do governo Belezinha, dando a obra como concluída.

Quatro dias antes da visita eleitoral, em 17 de setembro, os engenheiros do INCRA, Djalma Furtado de Mendonça Neto e Elpídio Régis Neto, em companhia do engenheiro da prefeitura Edvaldo Paz Nunes estiveram na mesma estrada e constataram um quadro muito diferente do anunciado pelo executivo municipal.

Recorte do Relatório do INCRA, Clique pra Ampliar

Estrada Costela de Vaca
Na primeira parte examinada pela equipe do INCRA, da BR 222 à Localidade Maceno (mesmo local do evento político), o relatório é demolidor contra o discurso oficial. “O trecho apresenta condições semelhantes às da época em que foi legitimado (o convênio), já com “costela de vaca” no seu leito estradal, material de revestimento com pouca piçarra e alto teor de finos. Essas deformações decorrem da falta de capacidade de suporte da estrada, conseqüência da carência de material laterítico no revestimento primário e ausência de compactação com equipamento adequado, no caso, rolo compactador”, diz o relatório do INCRA, em linguagem técnica, para evidenciar a enganação.     

Ainda no relatório de vistoria técnica sobre o convênio entre prefeitura de Chapadinha e INCRA, consta a falta de transparência na ausência de placas informativas e que a empresa contratada pela prefeitura deixou de fazer bueiros e pontes previstos no contrato. “Em relação ao que pode ser visivelmente detectado, notamos que a placa da obra não foi instalada, que não houve compactação com rolo, que o nível da estrada está abaixo do terreno natural, que não foram executados os envalamentos e saídas laterais, que a plataforma está sem conformação, que as jazidas encontraram-se ao lado da pista (dentro do trecho), que não houve construção e nem recuperação de bueiros e que não houve recuperação da ponte prevista em planilha”, conclui o relatório.

Trecho 2: Mesmos Vícios
Ainda na parte do relatório a que o blog teve acesso, no segundo trecho, 15 quilômetros do Maceno à Chapada Limpa, o INCRA aponta as mesmas irregularidades. “Do povoado Maceno até o início da Reserva Extrativista Chapada Limpa, o trecho apresenta os mesmos vícios constritivos dos relatados no trecho 1”, registra o relatório oficial do INCRA.

1,2 Milhão Liberado e Nada de Estradas

Outros Trechos: Nada Foi Feito
Conforme relato dos presidentes de associações e a presença do titular do blog (no dia 26 de Janeiro de 2015) confirma, no restante do percurso contemplado pelo convênio nada (absolutamente nada) foi feito. Da Chapada Limpa ao Povoado Santana (10 Km) nenhuma obra existe; da Santana ao Povoado Laranjeira (18,5 Km) continua como há décadas; da Laranjeira ao Povoado Arrodeio (10 Km) nem raspagem houve; da Tiririca ao Cercadinha (4 Km) da mesma forma não teve obra e; por fim, completando os 85,86 Km contratados, nos 13,33 Km da Laranjeira ao Juçaral nenhuma pá de piçarra foi colocado.

R$ 1.121.646,19 Pagos e Nada de Estradas
Ainda de acordo com o relatório do INCRA foram liberados R$ 1.121.646,19, cerca de 45,93% dos 2.591,646,19 previstos e o que se verificou por relatos de moradores, visita ao local e relatório foram obras pessimamente feitas, recursos aplicados ninguém sabe com o que e promessas abandonadas.    

Em tempo: com este post, o blog fecha a série de três matérias sobre este convênio do INCRA e até o momento ninguém da prefeitura se manifestou sobre o assunto. Abaixo mais fotos.     

Depois do Povoado Estrela/ Areia onde deveria ter Aterramento

Ladeira do Chapada Limpa 1/Risco de Cortar a Qualquer Momento

Estrada Sem Piçarra / Trecho Considerado Concluído

Buraco na Cabeceira da Ponte

quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

Servidores do Estado Recebem Dia 31


O governador Flávio Dino determinou o pagamento dos servidores para o próximo sábado (31). Previsto para o dia 3 de fevereiro, o pagamento ainda no mês de janeiro beneficiará cerca de 112 mil servidores ativos e inativos.
“Após adotarmos medidas austeras como a reduzir os gastos com custeio da administração tivemos condições de garantir o pagamento ainda no mês trabalhado. Conforme asseguramos antes, sempre que o governo tiver disponibilidade financeira vamos realizar o pagamento dos servidores no mês trabalhado. A valorização dos servidores públicos é um compromisso de nossa gestão”, disse o governador.
O governo passado deixou saldo de R$ 24 milhões em caixa e uma dívida de cerca de R$ 1,3 bilhão, com uma grande parcela dos pagamentos vencidas e outras vencendo neste mês de janeiro. Ainda assim, após a determinação do governador de contingenciamento de 30% do custeio do tesouro, a redução dos contratos vigentes e a melhor aplicação dos recursos públicos, 112 mil servidores receberão os salários no dia 31 de janeiro.
“A antecipação só foi possível devido ao corte de 30% do custeio e revisão dos contratos determinados pelo governador Flávio Dino”, Explicou a secretária Cynthia Mota (Planejamento).
Entre os servidores que compõem a estrutura da administração estadual, são 74 mil são ativos – entre efetivos, comissionados e temporários das administrações direta e indireta – e 38 mil inativos, considerando aposentados e pensionistas.

De acordo com o secretário Felipe Camarão (Gestão e Previdência) o calendário divulgado anteriormente permanece inalterado. “Sabemos da importância do servidor para a garantia dos serviços públicos com qualidade à população e a diretriz do governador Flávio Dino é que todos os esforços sejam feitos para que possamos pagar os vencimentos no mês trabalhado. No entanto, não podemos antecipar com precisão a estimativa de receitas do Estado e isto faz com que haja necessidade de mantermos, por enquanto, o calendário de pagamento previamente divulgado”, disse.

Marca do Novo Governo


Ao lado dos secretários adjuntos, Ribamar Praseres e Marco Aurélio Oliveira, o secretário de Estado de Comunicação Social, Robson Paz, apresentou à imprensa na tarde desta quarta-feira (28), no auditório do Palácio dos Leões, marca e slogan da nova gestão do Governo do Estado.


Pela figura do mapa do Maranhão colorido com as cores da bandeira maranhense e nacional simultaneamente como unidade da federação, apresenta-se a ideia de um governo plural feito para todos os maranhenses.

Portal Gaditas

Sobre a Saúde do Padre Neves...


Para evitar especulações sobre o estado de saúde do Padre Manuel Neves, assim como acontece com a professora e líder sindical Neldan Araújo – além de todas as orações e pensamentos positivos quanto à recuperação de ambos - o blog adota idêntica postura de só divulgar informes oficiais da paróquia (no caso de Neves) e da família (com relação a Neldan).

terça-feira, 27 de janeiro de 2015

Paróquia Confirma Agravamento da Saúde de Padre Neves

O Padre Casimiro João usou sua página da rede social Facebook para confirmar a gravidade do estado de saúde do Padre Manoel Neves e para pedir orações pelo restabelecimento do líder da Igreja Católica de Chapadinha.

“Amigos e paroquianos, tenho a confirmar as notícias que estão circulando sobre a saúde de nosso vigário padre Manoel Neves. Conforme telefonema da enfermeira SOFIA SILVA nesta tarde, nosso vigário fez uma cirurgia para tirar ácido úrico, porém, após a mesma ele não acordou mais e presentemente encontra-se nos cuidados intensivos só ligado às máquinas, mas está desacordado” comunicou o Padre Casimiro . 

“Convido todos que lerem para rezarmos o santo terço amanhã na igreja matriz às 06.h da manhã junto com as mulheres do TERÇO. E após o terço a santa missa na intenção da saúde do P.Neves. Obrigado a todos” finalizou o sacerdote. 

Moradores de Assentamentos Denunciam Abandono de Obras e Estradas Mal Feitas


O INCRA destinou, em outubro de 2013, cerca de 2 milhões e Meio de Reais (R$ de 2.441.646,19), para construção de estradas em assentamentos de Chapadinha, quando o então superintendente do órgão Zé Inácio era pré-candidato a deputado estadual. Depois de o candidato eleito com apoio de Belezinha na maior parte das estradas nada foi feito e onde tem algum serviço, moradores  e lideranças comunitárias questionam a qualidade das obras.

Em vídeo gravado no gabinete do vereador Manin Lopes / PT, em novembro de 2014, vários foram as reclamações de descaso e abandono feitas por moradores.

Antonio Viana da localidade Cercadinho diz que andaram por lá só prometendo fazer, mas que até o momento nada foi feito. “Estamos vendo o inverno chegar e nós ficarmos na mesma que estávamos sempre, na dificuldade pra sair e vir pra cidade”, disse o agricultor indagando onde está o dinheiro (se o gato comeu!). Veja os depoimentos completos no vídeo abaixo.

Presidente da Associação do Cercadinho, o senhor Francisco Nascimento, repete a avaliação de Antonio Viana e reivindica: “Já tá completando ano e nossa faixa tá do mesmo jeito. Então eu quero saber como vai ficar essa situação”, reclama o líder comunitário.

Falando em nome da comunidade Paiol, Antonio Cunca (que também é presidente da associação de moradores) disse que a estrada já foi dada como concluída, mas questiona a qualidade do serviço. “No nosso povoado a estrada está como concluída, mas de uma péssima qualidade, porque tem lugar que empresa apenas raspou, não botou nada de material e onde precisava de tubulação ela (a empresa) também não colocou”, revelou o morador, acrescentando que do jeito que está tem um trecho que alaga em até 150 metros de extensão e, por fim, indaga se vai ficar deste jeito mesmo.

Seguem os Relatos:
“Na estrada do Pai Gonçalo só foi espalhado o barro. O que eles têm colocado muito é barro nessas estradas e nós sabemos o barro na chuva o que ele faz é virar massapé”, disse o produtor rural Raimundo do Oh.

“Estou aqui querendo saber o motivo e o que está atrapalhando essa estrada ligando da Santana e até o povoado Rodeio” (...). Tivemos em uma reunião, dia 31 (de outubro de 2014), com o Renê do INCRA ele disse que metade do dinheiro tinha sido liberada e nem a metade da estrada tava feita”, relatou Antonio Aceudânio da comunidade de Santana.

“Eu fiquei sabendo sobre a estrada que é um recurso do governo federal via INCRA e prefeitura é que o Rogério Baiano (Empreiteiro) que é o chefe da obra, disse que ele não vai concluir a estrada porque não tá saindo dinheiro e se a prefeita quiser fazer obra ele disse pra ele fazer por conta dela”, contou o líder da Reserva Extrativista da Chapada Limpa.

Novela Continua
A manhã você vai ver fotos recentes das localidades, ficar sabendo como se encontram as estradas que deveriam estar prontas e todos os detalhes de um relatório oficial do INCRA sobre o convênio. Não Perca!       


Veja o Vídeo Completo

Bebelu Brincando...


Não Entendeu? Então clique aqui e aqui

Francisca Aguiar Acionada pelo MP a Devolver Recursos Públicos


O Ministério Público do Maranhão (MP-MA), por meio da 1ª Promotoria de Justiça de Chapadinha, ajuizou duas Ações Civis Públicas de execução forçada contra Francisca Gomes Aguiar (foto), ex-presidente da Câmara Municipal de Chapadinha.

Ajuizadas pelo promotor de Justiça Douglas Assunção Nojosa, as ações têm o objetivo de garantir o pagamento do montante total de R$ 31.174,89 ao erário, em razão de irregularidades apontadas pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) na prestação de contas do exercício financeiro de 2007.

As duas ações referem-se ao Acórdão PL-TCE nº 542/2012 e ao Acórdão PL-TCE nº 835/2013, que pedem, respectivamente, a devolução de R$ 16.049,45 e R$ 15.125,44 aos cofres públicos.

Caso os valores cobrados, acrescidos de multas e correções, não sejam pagos, as manifestações do MPMA requerem que sejam penhorados os bens da ex-vereadora.

Com a reprovação de contas pelo TCE a vereadora Francisca Aguiar (atual vice-presidente da Casa) já estava inelegível e agora pode, além de devolver recursos, sofrer processo penal por improbidade.  

Informações G1 e Site do MP


Levi Pontes Participa do Lançamento do Mais IDH e Declara Total Apoio ao Programa

Daniela Lima (1ª Dama), Flávio Dino e Levi Pontes

O deputado Levi Pontes / SDD participou ao lado do governador Flávio Dino da implantação do programa Mais IDH, que aconteceu na noite de ontem (26), em cerimônia no Palácio dos Leões. 

As ações serão realizadas nos municípios que necessitam de maior atenção e começaram a ser articuladas com prefeitos e os movimentos sociais. O Mais IDH beneficiará os 30 municípios com menor desempenho no Índice de Desenvolvimento Humano do Maranhão. “Dos 30 municípios maranhenses com os piores indicadores sociais 6 estão no Baixo Parnaíba, como deputado da região não poderia deixar de marcar presença no lançamento, de me colocar à disposição do governador que vai buscar a melhoria de vida para nossa população e de estar ao lado de prefeitos, lideranças comunitárias e sindicais que hoje se unem em torno deste projeto”, declarou Levi Pontes.  


Os municípios da Região incluídos no programa no mais IDH são: Água Doce do Maranhão, Santana do Maranhão, Belágua, Araioses, Milagres do Maranhão e Afonso Cunha.

O governador Flávio Dino destacou cada uma das ações que serão implementadas ao longo dos próximos meses, voltadas à Educação, Atenção Básica à Saúde, melhoria do Saneamento, Habitação, Produção Agrícola, Combate ao Analfabetismo e à Fome, entre outros.

O deputado Levi Pontes elogiou a participação da sociedade civil no debate e nas ações do programa de combate à pobreza, “além da determinação do governador, o programa Mais IDH coloca os sindicatos, as associações e diferentes setores dos movimentos sociais como participantes, responsáveis e definidores das políticas públicas voltadas para a melhoria dos indicadores. Isso é muito louvável e animador”, destacou Levi.   


A diretriz do Governo do Maranhão, segundo o declarou o governador Flávio Dino, é garantir que esses municípios deem um salto na qualidade de vida em um curto espaço de tempo, pois, pela primeira vez, terão atenção direcionada pelo poder estadual.

“Tendo vontade política, a gente vai atrás de todas as condições financeiras e institucionais para fazer acontecer,” garantiu o governador.


Com Informações do Marrapá e Gilberto Lima

segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Avenida Ataliba Recuperada Pela Enésima Vez

Blog Souza Neto/SECOM (hoje)

Blog Souza Neto/SECOM, em julho de 2014

Blog Ações e Destaques, em meio de 2012

Blog do William Fernandes, agosto de 2013

Blog Interligado, data não registrada

Blog do Alexandre Pinheiro, Janeiro de 2011

Blog do William Fernandes, dezembro de 2010

Belezinha: Moradores e Relatórios Oficiais Desmontam Farsa Sobre Estradas (Parte 1)


Toda vez que é confrontada com um novo escândalo de corrupção descoberto ou quando se esclarece que as poucas obras e melhorias que surgem vêm por meio de convênios, a propaganda do governo Belezinha imediatamente apela para a defesa da qualidade das estradas. Mas o pouco que tem são os famosos “melhoramento de caminhos de acesso” e a qualidade das obras são desmoralizadas por depoimento de moradores e relatórios oficiais como veremos nas três matérias (em sequência) que o blog começa a publicar agora.  

Palavra dos Moradores do Carnaubal: "Encheram Leito de Riacho com Piçarra de Deixaram Tubos Abandonados"  

Ao comentar matéria postada no perfil de Belezinha, falando de estrada, o morador Antonio Nicolau publicou fotos e relatou obra mal feita e abandonada pela prefeitura na localidade Carnaubal. “Tubos de concreto abandonados ao longo da estrada do povoado Carnaubal. Simplesmente encheram o leito do riacho São Gonçalo com piçarra e não colocaram os tubos nos bueiros”, disse o morador, incluindo as localidades Carnaúba Amarela, Saco, Chico Dias, Monte Alegre, Campo Redondo, Mamorana, Carnaubal, Mangueiras, Macajuba, Boa Vista e Cana Brava, como abandonados pela prefeitura.

A situação também foi alvo de matéria do Blog Portal de Afonso Cunha, que ouviu as comunidades e relatou: “a prefeita Dulcilene é acusada de não se importar com o problema e abandonar os bueiros na estrada que era pra ter sido colocado nos córregos ainda no ano passado”, diz a matéria. Clique aqui, para ler a íntegra.

O senhor Antonio Nicolau postou a reclamação ontem às 17 horas no perfil da prefeita Belezinha e até o momento nem a prefeita ou qualquer integrante do governo respondeu ou comentou sobre o fato.  

Nas próximas matérias você acompanha mais depoimentos de moradores (em vídeo) e um relatório detalhado produzido por órgão oficial financiador de convênios que desmoraliza a alegada qualidade das estradas de Belezinha. Aguardem!   

domingo, 25 de janeiro de 2015

Flávio Dino Decide Pelo Fim da Terceirização e Abre 1.300 Vagas no Sistema Penitenciário


O governador Flávio Dino enviou medida provisória à Assembleia Legislativa, que estabelece o fim das terceirizações no sistema penitenciário e a realização de processo seletivo para a contratação temporária de 1,3 mil profissionais, para reforçar a segurança nas unidades prisionais. O seletivo será aberto no mês de fevereiro com 800 vagas para vigilantes penitenciários e mais 500 vagas para agentes penitenciários. O procedimento vai substituir os funcionários terceirizados até a conclusão de concurso público.

“Este é um passo importante na gestão do sistema penitenciário do Maranhão: substituir as terceirizações e economizar mais de R$ 20 milhões por ano. Com o dinheiro economizado, vamos avançar na organização das unidades, investindo em segurança e no respeito à Lei de Execuções Penais”, afirmou o governador.

O seletivo é apenas uma das ações que a gestão estadual adotará para mudar a forma como era gerida a Secretaria de Estado da Administração Penitenciária (Sejap), que já não é capaz de atender satisfatoriamente os serviços que deveria prestar. De acordo com o titular da pasta, Murilo de Oliveira, a estrutura deverá ser reformada para que possa atuar em conformidade com a legislação vigente.

Na administração passada foram ampliadas estruturas que não possuem respaldo institucional para a legitimidade da atuação. Essas estruturas, em grande maioria, são operadas por contratados de empresas terceirizadas, colocando em dúvida a atuação desses setores.

Outro grave problema detectado na estrutura da Sejap é que das 38 unidades prisionais existentes no sistema, somente dez são formalmente constituídas. O resultado dessa informalidade acarretou em mais gastos aos cofres públicos, uma vez que a gestão anterior decidiu conceder diárias aos diretores dessas unidades informais como forma de complementação salarial pelos encargos assumidos.

O problema instaurado com a falta de concurso público ao longo dos anos ainda acarreta um gasto de R$ 49 milhões anuais ao sistema prisional. O documento ultrapassou os prazos legais previstos no artigo 57 da Lei Geral de Licitações, de prorrogação por 60 meses e depois por mais 12 meses, e não poderá ser renovado.

Legalidade e Economia
O processo seletivo para a contratação temporária até a conclusão de concurso público garantirá tanto a legalidade das funções quanto economia aos cofres públicos. A remuneração do cargo para vigilante penitenciário será de R$ 1,5 mil enquanto para o cargo de agente penitenciário será de R$ 3,9 mil.

O gasto anual com os 1,3 mil profissionais totalizará R$ 42 milhões. O valor corresponde a uma economia de quase R$ 22 milhões aos cofres públicos ao comparar com os gastos estabelecidos na gestão anterior que alcançam a cifra dos R$ 63 milhões. Desse montante, R$ 49,4 milhões são gastos com os 930 terceirizados da VTI e R$ 14,4 milhões com os 472 da empresa Atlântica.

“O seletivo é uma medida provisória até que seja concluída a etapa total do concurso e com toda certeza, estas mudanças trarão resultados positivos e faremos um bom trabalho com a chegada de novos profissionais”, garantiu o secretário da Sejap, Murilo de Oliveira.

O Imparcial

Levi Pontes Confirma Apoio e Destaca Favoritismo de Humberto Coutinho para Presidir Assembleia


O deputado Levi Pontes foi um dos 31 presentes no jantar, na residência do deputado Humberto Coutinho (PDT) que praticamente se tornou o virtual presidente da Assembleia Legislativa para o biênio 2015/2016. Com apoio dos deputados presentes e mais nove que justificaram ausência, mas ratificaram apoio, Coutinho já contabiliza 40 dos 42 votos possíveis.

Ao comentar o evento, Levi Pontes falou da semana de trabalho e da viabilidade da eleição Humberto Coutinho, como um projeto que ele – como deputado eleito pela base de apoio ao governador Flávio Dino – se engajou deste o primeiro momento. “A semana de trabalho foi coroada de sucesso e terminou com uma reunião a noite na residência do próximo Presidente da Assembleia Legislativa Dr. Humberto Coutinho que recebeu o apoio de 40 deputados para sua eleição de domingo próximo, logo após tomarmos posse no cargo de deputado” disse o deputado Levi Pontes.

Estiveram presentes no jantar oferecido pela deputada Cleide Coutinho (PSB) e pelo deputado eleito Humberto Coutinho, os deputados Ricardo Rios (PEN), Levi Pontes (SDD), Stenio Resende (PRTB), Rigo Teles (PV), Antônio Pereira (DEM), Glalbert  Cutrim (PRB), Cabo Campos (PP), Rogério Cafeteira (PSC), Graça Paz (PSL), Marco Aurélio (PCdoB), Vinicius Louro (PR), Roberto Costa (PMDB), Valéria Macedo (PDT), Ana do Gás (PRB), Júnior Verde (PV), Alexandre Almeida (PTN), Neto Evangelista (PSDB), Fábio Macedo (PDT), Carlinhos Florêncio (PHS), Othelino Neto (PCdoB), Bira do Pindaré (PSB), Wellington do Curso (PPS), Edilásio (PV), Fábio Braga (PTdoB), Zé Inácio (PT), Eduardo Braide (PMN), Hemetério Weba (PV), Edvaldo Holanda (PTC), além do próprio candidato a presidente Humberto Coutinho.

Mandaram mensagens de apoio e justificaram sua ausência os deputados Edson Araújo (PSL), Francisca Primo (PT), César Pires (DEM), Max Barros (PMDB), Josimar do Maranhãozinho (PR), Paulo Neto (PSDC), Nina Melo (PMDB), Adriano Sarney (PV) e Raimundo Cutrim (PCdoB), totalizando 40 deputados entre eleitos e reeleitos para a próxima legislatura.

Levi destacou o novo momento da política maranhense e do desafio de representar o Estado, Chapadinha e a Região do Baixo Parnaíba. “Me encontro extremamente motivado com o novo desafio de representar o Maranhão e o Baixo Parnaíba, pois vivemos um momento especial na história política do Maranhão evidenciado na maturidade e independência dos nossos deputados quer sejam do governo ou da oposição em sua quase unanimidade irão votar em um candidato da base do governo, dando uma demonstração que entenderam a mudança que está em andamento e que perpassa por essa união de todos em defender o nosso povo seguindo orientação maior do nosso grande líder governador Flavio Dino. Avante Maranhão!”, finalizou o deputado Levi Pontes de Aguiar. 

Com Informações do Blog Marrapá

sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

Flávio Dino Regulariza Salários de 11 Mil Servidores


Os salários dos servidores técnicos da saúde atrasados pelo governo passado foram quitados na noite desta quinta-feira (22) pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) junto às OSCIPs, responsáveis pela prestação de serviços nas unidades de saúde da rede estadual.
O pagamento é referente ao período trabalhado entre 16 de novembro de 2014 e 15 de dezembro de 2014, que não foram honrados pela gestão anterior e coube ao governador Flávio Dino garantir os repasses. Na noite de ontem foram repassados às OSCIPs (Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público) Bem Viver, IDAC e ICN valores que beneficiarão cerca de 11 mil servidores da saúde.
Uma força tarefa feita pelas secretarias da Saúde, do Planejamento e da Transparência, conseguiu identificar e separar o valor real referente aos vencimentos dos servidores da Saúde e os excessos, que, em tentativa frustrada, a gestão anterior tentou incorporar.
“Toda a nossa equipe é orientada a cumprir a lei com seriedade e sobriedade. Apenas isso”, afirma o governador ao explicar que seria uma irresponsabilidade efetuar os pagamentos sem uma prévia verificação do que está sendo pago.
Para o secretário da Saúde, Marcos Pacheco, este é apenas o começo de uma gestão limpa, que não permitirá privilégios e que, de fato, terá seu foco principal na atenção básica: “Toda criança assistida, toda gestante acolhida e todo idoso bem cuidado. Essa é nossa missão. Vamos ‘fazer acontecer’ e mostrar que é dessa forma que mudaremos os indicadores negativos do Maranhão”, assegurou Pacheco.
Herança

Um dos problemas herdados da gestão anterior foi o atraso no pagamento das OSCIPs. Com isso, cerca de 11 mil funcionários da saúde deixaram de receber seus vencimentos em dias.(Marrapá)

quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

Aluizio Aluga o Próprio Carro e Recebe R$ 5.460,00 por Mês da Prefeitura



Depois de flagrar a filha da prefeita Belezinha recebendo R$ 6.300,00 mais diárias, sem trabalhar, o blog teve acesso com exclusividade a documentos de demonstram que o secretário Aluizio Souza tem o próprio carro alugado para a prefeita pelo valor de R$ 5.460,00 por Mês.

O veículo de propriedade do secretário de obras (que também responde pela articulação política da prefeitura) é uma Toyota Hilux CD 4x4, Placas NOY 3736 e consta da lista de carros alugados pela prefeitura por meio da Empresa Olho Vivo (S. Amorim dos Santos – Locação e Turismo ME) pelo valor de R$ 5.460,00. A prefeitura contratou a Olho Vivo (que era mais conhecida atuando no ramo de malharia) por seis meses e pelo valor de R$ 2.316.450,00, depois que o contrato com a locadora fantasma Queops foi cancelado após investigação do Ministério Público a partir de denúncia deste blog.

Hilux Prata de Aluizio / R$ 5.460,00/Mês

Veículo Alugado Pela Prefeitura a Serviço de Campanha Eleitoral


Crime Eleitoral
Além do fato de um secretário manter contrato com o município o que é expressamente proibido, mesmo alugado para a prefeitura o carro do secretário estava a serviço de campanha eleitoral, em 2014 enquanto era pago para trabalhar para a administração municipal, conforme é possível constatar com a foto (acima) do veículo adesivado com material de candidatos apoiados por Aluizio e Belezinha.

Documento do Detran Comprovando a Registro em nome de Aluizio

A Caixa Preta da Locação
Com empresas fantasmas e denúncias de corrupção envolvendo os contratos de locação de veículos a prefeitura vem enfrentando problemas desde o início da gestão em 2013. Pela lista de carros alugados pela Olho Vivo já se tem indícios de laranjas e pessoas ligadas à dupla Aluizio e Belezinha sem condições financeiras para adquirir carros de luxo, que figuram como proprietários de camionetas, todas da mesma cor e modelo e que teriam sido adquiridas no mesmo leilão. (O blog segue investigando o caso)

Ministério Público
Enquanto em Chapadinha, apesar das denuncias embasadas, muito pouco ou quase nada acontece, na cidade vizinha de Presidente Vargas, o promotor Benedito Coroba pediu a cassação da prefeita por muito menos do que ocorre aqui. O entendimento do Ministério Público parece ser diferente em Chapadinha.

Outro Lado
O blog tentou ouvir o secretário Aluizio Souza e abriu espaço por meio de mensagem, mas até o momento não tivemos resposta.  

terça-feira, 20 de janeiro de 2015

Buriti: Juiz Absolve Prefeito e Fórum é Incendiado


O Fórum de Buriti acaba de ser invadido por populares que atearam fogo em patrimônios e processos. Segundo informações, houve até pessoas transitando arma branca (facão), onde supostamente, tentando ferir a integridade física do Juiz

Dr. Jorge Sales que estava dando seu expediente foi ameaçado. O tumulto está sendo ocasionado por populares e militantes do grupo de oposição, onde após a decisão do Magistrado desfavorável a mais uma cassação do atual prefeito Rafael Mesquita ocorrida hoje (20) por volta das 11 horas, iniciaram essa revolta com início agora a tarde por volta da 15 horas.

No momento a polícia do Comando do município faz a guarnição da frente do fórum, onde funcionários e populares ajudaram a apagar o fogo e retirar documentos ameaçados de serem perdidos.

A polícia ainda fez a detenção dos militantes mais exaltados, mais desistiram devido a ameaças de outras pessoas presentes.

Acredita-se que teremos reforço policial em nossa cidade que nesse momento passa por esse tumulto ocorrido devido à fatos políticos que durante esses dois últimos anos são um dos assuntos mais discutidos tanto em Buriti, como nas redes sociais e jornais do Estado nessa interminável briga pela prefeitura municipal.

Fonte: Portal Buriti




Primavera Maranhense


O governador do Maranhão, Flávio Dino, exonerou 48 funcionários que batiam ponto na antiga Fundação José Sarney. A entidade mudou de nome, mas ainda é destinada a manter o acervo do ex-presidente. Foi estatizada na gestão de sua filha, Roseana Sarney.

As peças ficam no Convento das Mercês, erguido em 1654. Seus visitantes encontram fotos da passagem de Sarney pela Presidência, os carros que o transportavam em Brasília (um Landau e uma Caravan) e quadros que retratam sua família em trajes religiosos. No jardim, uma lápide de granito negro marcava o local de um futuro mausoléu. Depois foi trocada por uma estátua do senador em bronze –que ele diz não estar mais lá.

Nos últimos três anos, o memorial custou mais de R$ 8 milhões aos cofres maranhenses. Dino, o primeiro adversário do clã a governar o Estado em cinco décadas, decidiu destinar o espaço a atividades educacionais e outros tipos de exposição.

“Sarney acha que o convento é dele, mas o prédio pertence ao Estado. É absurdo usá-lo para guardar o patrimônio de uma família”, critica.

O governador nomeará hoje uma comissão para decidir o futuro do acervo. “Vamos preservar o que tiver valor histórico. O que caracterizar mera promoção pessoal será devolvido ao proprietário”, avisa.

Sarney tem direito de preservar suas relíquias do Planalto. Mas deveria mantê-las em um instituto privado, como fazem Lula e FHC.

Os dois seguiram o exemplo dos EUA, onde os ex-inquilinos da Casa Branca recorrem a doações para abrir bibliotecas em seu Estado natal. A de Bill Clinton fica em Arkansas e mantém parte do acervo na internet. No site, é possível comprar sua biografia autografada por US$ 500 (cerca de R$ 1.330).

Sem verbas públicas, a fundação de Sarney precisará de novas fontes para pagar as contas. Poderia passar a vender exemplares assinados dos romances dele, como “Marimbondos de Fogo” e “Brejal dos Guajas”.


BERNARDO MELLO FRANCO, da Folha

Belezinha Mandou Atacar Flávio Dino ou Tem Agente Duplo em Seu Governo

Matéria do Secretário de Belezinha Detonando Flávio Dino

Prefeito que tem assessoria de comunicação como a de Belezinha não precisa de inimigos. Da publicação de fotos vexatórias da gestora, mentiras descaradas (como a recente versão da estrada com recursos próprios, que este blog mostrou tratar-se de convênio do governo estadual) a SECOM municipal segue jogando contra a chefa. 

Agora mais recentemente, enquanto Belezinha faz de tudo para conseguir uma colher de chá do novo governo estadual, seu secretário de comunicação, William Fernandes, desanca a atacar Flávio Dino de forma irracional, por conta de um veto mais que explicado. 

Há quem diga que Belezinha conduz pessoalmente sua comunicação, o que duvido muito porque ninguém conseguiria ser tão estúpida em adotar a estratégia de ataque a um governo com o qual vai precisar ter diálogo e que começa cortando privilégios, nomeando policiais, promovendo concurso para 6 mil professores e anunciando pacote de obras e programas em benefício de Chapadinha.

Pra mim essa agressividade do secretário de comunicação da prefeitura só pode ter uma explicação: ele é um agente duplo, movido por saudade de patrões anteriores e empenhado em sabotar Belezinha.

segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

Bota Chicabana Pra Tocar



Se Não Entendeu Clique Aqui e Aqui!


Levi Pontes Esclarece Veto de Flávio Dino e Garante Futura Instalação da UEMA em Chapadinha


A respeito de matéria divulgada em blogs locais, noticiando que um veto do governador Flávio Dino teria impedido a instalação da Universidade Estadual do Maranhão em Chapadinha, o deputado Levi Pontes / SDD (foto) procurou esclarecimentos junto ao governo estadual e acabou conseguindo a garantia da inclusão de Chapadinha no plano de expansão da UEMA.

De acordo com Levi, o projeto de lei vetado por Flávio Dino não diz respeito somente a Chapadinha, incluiu outros município e não foi sancionado pelo governador por apresenta falhas e irregularidades. “O projeto de lei vetado foi apresentado no apagar das luzes do governo interino de Arnaldo Melo e não atendia às exigências da constituição para ter validade”, esclareceu o deputado. “Ele (o projeto vetado) era genérico, não dizia que cursos haveria ou número de vagas, era sem estudo técnico e, o que é mais grave, sem dotação orçamentária. Imagem a loucura que é um projeto ser aprovado sem que esteja previsto os recursos para seu financiamento, por isso o governador não poderia ter feito outra coisa senão vetar”, completou Levi Pontes.

O deputado Levi Pontes fez questão de ressaltar o compromisso do governador com a educação, com o ensino profissionalizante e com a expansão da universidade estadual. “O governo está começando e o governador Flávio Dino sempre reitera o compromisso com a criação de universidades regionais e dos IEMAS. Obtive hoje a informação com a equipe do governo que já estão sendo feitos estudos técnicos para apresentação de um novo projeto de lei que a criação das universidades regionais e dos IEMAS sejam feitos na forma da lei”, declarou o parlamentar, que se prontificou para defender a aprovação da lei pela Assembleia.

“Em conversa pessoal comigo, já depois de ele eleito, ao ser informado por mim que Chapadinha não contava com um Campus da UEMA, Flávio Dino se mostrou surpreso, lamentou e garantiu que essa injustiça será corrigida por seu governo o mais rápido possível”, finalizou Levi Pontes.